quarta-feira, 24 de janeiro de 2018

TEF - Transferência de embriões fresco "Baby Fresh"

Oi blogosfera!

Hoje vim contar como foi a minha segunda transferência de embriões. Desta vez foi realizado com embriões a fresco (5 dias após a coleta dos óvulos).

Como comentei no post anterior... Desta 2°fiv tive blastos!!! Lindos blastocistos! (Já é uma vitória em relação a 1°FIV)

Muitos e muitos artigos (google) falam que é melhor a TEC (transferência de embriões congelados), então porquê cargas d'água você quis fazer a fresco?? - Primeiro - Não queria perder o endométrio que estava 8mm - Segundo - Estava de férias, achei que com mais tempo para repouso seria benéfico - Terceiro - Era minha única chance de fazer com "Baby fresh" todos os próximos seriam "baby frozen". A Dra ficou com medinho pois achou que eu estava com hiperestímulo, mas que a decisão era minha. Eu queria e ponto.
Era uma aposta arriscada! Sempre é né? E eu arrisquei.

Vai ai fotinho do meus babies fresh. Eles eram top! lindos! Isso que a médica disse e vocês podem ver na foto!! Os dois eram blastocisto. Tanto que eu pedi para não usar os dois melhores, mas mesmo assim a embriologista pegou os melhores :/ (não queria arriscar tanto assim rs).

Hoje quando vejo foto desses lindos blastos... me arrependo um pouquinho de ter usado com tantos hormônios no corpo. Não me arrependo da transferência, mas talvez devia ter usado os mais feinhos, não os melhores logo de cara. Não podemos mais chorar por leite derramado certo!

No dia indo para colocar os "baby fresh" no forninho, é um misto de ansiedade e medo. Bebi muita água no caminho (mais que deveria) depois não aguentava segurar o xixi.

Foi rápido (como sempre é uma transferência) tudo não passa de 1 hora, a Dra-Japa-Incrível pede pra fazer repouso de uns 30 min antes de ir para casa. (depende de cada conduta médica).

Vou aqui contar uns detalhes para quem nunca fez:

✿ Quando você deita na maca para o procedimento é como se fosse fazer qualquer exame ginecológico, mas antes de inserir o cateter para colocar os bebês a médica faz uma "limpeza", essa parte dói um pouquinho (parece um papanicolau, algo assim) nada que precise ter medo. Se for "sensível" como eu, qualquer coisinha dói (não sou um bom parâmetro).

✿ A enfermeira fica com o ultrassom na sua barriga pra auxiliar a médica, mostrando o forninho (o caminho onde o cateter vai passar e depositar os bebes). O lado ruim disso é que você estará com bexiga cheia, por isso não exagere na água, mas também não pode beber pouco (já ouvi meninas que teve que beber mais água e esperar um tempo pra começar o procedimento). Ou seja, tome o recomendado. Se estiver muito cheia como no meu caso, você vai sofrer para aguentar os 30min de repouso para fazer xixi.

✿ O marido estará do seu lado, ele pode filmar, tirar foto, segurar a sua mão. Ou seja, é um momento especial (sempre fico meio emocionadinha).

✿ Nesta manhã você não pode inserir o utrogestan® (se fizer isso vai sofrer mais ainda na "limpeza") após o procedimento a médica inseri pra você ◕‿◕

...

Para muitas meninas este é o dia do milagre (sei que o meu vai chegar). Como ninguém tem bola de cristal, neste dia você se sente grávida! Você sente uma emoção muito grande de pensar, tenho um bebe no forninho! Hoje é um dia que nunca vou esquecer! Mesmo que dê negativo, como é meu caso, saiba, você nunca vai esquecer mesmo! É marcante.

...

Tive cólica a partir do D5, tive um pequeno sangramento que acreditei ser nidação. No D7 coletei progesterona, estradiol e como estavam baixos, já sabia que seria mais um negativo.

...

No D9 se confirmou meu segundo negativo.

...

Chorei. Dormi. E uns dias depois estava pronta para luta!

...

Esse foi relato da minha transferência de nov/2017.


___PÓS-TEC___
★⋰⋱★⋰⋱★⋰⋱★

Voltei na médica para conversar do negativo. Foi debatido nossas opções. Como foi a fresco, com corpo cheio de hormônios. E revemos que não tinha nenhum motivo grave a ser tratado. Existia duas opções:

1. Entrar com anticoncepcional para diminuir a endometriose que está bem inicial (mas não é uma endometriose que é indicado cirurgia). Porém não é impeditivo de gravidez.

2. Avaliar as trombofilias raras (as que não são tão comuns), considerando que as básicas fiz e não apresentaram alterações. (não tenho nenhum caso na família como indicativo pra isso)

3. Fazer uma nova TEC e considerar que toda transferência são apenas uns 40% de chances.

....

Em conjunto médica, marido e eu... decidimos partir para 3° transferência!!!

Mas isso é história para o próximo post...

beijos♡lambuzados♡de♡Mel
da Futura Mamãe Ursa


Você pode acompanhar a história no Instagram @maeursa_
▲Topo